terça-feira, 8 de setembro de 2009

RATOS DIVERSOS - II SEMANA DA POESIA
Dia do Livro
19 de março de 2009 - quinta



Saímos de Maricá, Cidade da Poesia, depois de participar do evento Mostra da Poesia Brasileira, organizado por Sady Bianchin -   atual Secretário de Cultura de lá -, e viemos direto para os Ratos, na Lapa. Descemos do carro, já quase onze horas, pisamos no tapete vermelho das Carmelitas e fomos recebidos por Juliana Hollanda, ratinha linda. Estava rolando uma performance de artes plásticas, onde os integrantes literalmente botavam fogo na rua. Os poetas, já de cabeça feita, se apresentavam dizendo seus poemas na calçada, ao microfone. Músicos maravilhosos faziam parte da festa. Um caos delicioso. A polícia foi chamada para tentar acabar com a festa, mas Carluxo e Nietzsche, ratos espertos, conseguiram driblar a lei. Rolou de tudo. Até um momento de silêncio, numa “roda de harmonização”, que fez todos darem as mãos e se irmanarem. Uma cineasta filmava a dançarina espanhola em passos de Flamenco, acompanhada pela guitarra de Gustavo Saba. Um rapper tomou o pódio de assalto. Todos dançavam.
Foi uma doideira. A cara dos ratos.

2 comentários:

Louis ALLLien disse...

caramba, esse dia foi ótimo! os ratos fazem, falta!!!

Dudu Pererê disse...

yo recuerdome bien desse dia, foi louco y magico!!!
valeu o blog
beijos
perere